NetWeaving, um passo muito além do network

Fiquei um tempo sem escrever, e retorno num momento mágico da minha vida. Hoje, já passando dos 60 anos, me sinto ansioso como um jovem de 30 anos por iniciar essa desafiadora etapa. Tive que me preparar, me conhecer ainda mais, enfrentar medos e inseguranças que nem sabia que tinha depois de anos de processos de autoconhecimento, e agora quando alguns querem parar, ou pensam em diminuir o ritmo, eu quero acelerar. Quero mais, quero…

“além de continuar a transformar pessoas, quero ajudar a transformar o mundo fazendo também a diferença no coletivo.”

Ufa! Só de falar já respiro fundo e me sinto renovado.

Estou casado há 38 anos, 2 filhos, 2 netos. Dos 41 anos produtivos, 28 anos trabalhei em informática e telecom, e nos últimos 13 anos me preencho atendendo como coach, onde fiz a diferença na vida de mais de 400 pessoas que passaram pelo meu programa, em mais de 14.000 sessões. Com isso, posso dizer que já tenho um legado construído, mas quero contribuir mais, quero fazer mais pelas pessoas, pelo país e pelo mundo, quero melhorar a convivência e a felicidade humana, quero conscientemente me manter seduzido pela utopia de ver um mundo mais justo, próspero e alegre. Essa visão é inspiradora e gratificante para mim, pois esperança foi o que perdi há 20 anos atrás durante um colapso que tive, onde fui dado como inapto a voltar a viver normalmente. Naquele momento pensei em deixar de viver! Ainda bem que nisso eu fui incompetente! Hoje luto de forma pragmática – mas inspiradora – para a construção de modelos mais sustentáveis de produzir na vida e no trabalho, isso me dá esperança.

Indo direto a esta nova etapa, estou lançando o Núcleo CARI que significa Cuidar da Alegria, Ressignificando Indivíduos. É uma empresa de coach, educação e geração de conteúdo, pois acredito que através de conteúdos transformadores e inspiradores podemos treinar e educar pessoas a cuidarem da própria alegria, e delas como um ser integral. Com isso, serão verdadeiramente felizes, e teremos uma coletividade convivendo de forma mais relevante, produzindo e vivendo de forma mais sustentável.

Aliado a todos os conceitos que já venho trabalhando nesses anos baseado em propósito, construção de legado, modelos sustentáveis de gestão, liderança inspiradora e outros, um agora é o meu foco por incluir de uma certa forma todos esses, o netweaving.

Alguns dizem que netweaving é um passo além do network, mas digo que é um passo além do egoísmo, da ganância, pois pressupõe dar sem expectativa de receber, é o conceito que faz valer o dito “é dando que se recebe”, que estabelece vínculos verdadeiros, amizades genuínas e negócios baseados em credibilidade. Uma vida assim é mais inspiradora e leve, e faz as empresas mais lucrativas.

Estou ativando o movimento netweaving no Brasil, e para isso em breve relançaremos a SBN que antes era a Sociedade Brasileira de NETWORK, agora como Sociedade Brasileira de NETWEAVING. O Núcleo CARI cuida do indivíduo em sua integralidade, e utiliza a SBN para uma convivência com relevância que é a nossa forma de ver o NETWEAVING. Ressignificando indivíduos e viabilizando a convivência relevante de grupos, me entrego de corpo e alma a esta nova etapa de minha vida.

O network continua existindo, mas netweaving não é um passo além do network, é um passo em direção ao altruísmo e à possibilidade de “humanizar” as redes sociais.

Se quer ressignificar sua vida e abraçar a causa do netweaving fale comigo!!!